Ajude os catadores do Cariri em meio a pandemia de COVID-19

A ação parte do Projeto Alheios e conta com o seu engajamento.

IMAGEM: PROJETO ALHEIOS

Em tempos de crise e pandemia muitas são as formas de ajudar e amenizar a dificuldade do outro. É isso o que o Projeto Alheios tenta fazer através de uma vaquinha virtual para ajudar catadores de materiais recicláveis que já está disponível nesse link

O projeto, que é uma ideia das alunas de jornalismo da Universidade Federal do Cariri – UFCA, Julita Agapto e Vitória Garcia, foi pensado a partir da experiência que ambas tiveram durante a cadeira de Mídia Alternativa e deseja visibilizar catadores de materiais recicláveis, que relatam preconceito com a profissão, e contar a história dessas pessoas a partir do olhar delas mesmas, já que a mídia tradicional costuma estigmatizar.

A ideia inicial era criar uma revista fotodocumental e principalmente ajudar aos catadores através da distribuição de produtos que poderiam ajudar na segurança do trabalho, como luvas, máscaras, etc. Com a Pandemia de COVID-19, no entanto, a urgência mudou: alimentos e cestas básicas passaram a se tornar ainda mais necessários, uma vez que os trabalhadores estão parados e tiveram a sua renda comprometida, já que com a circulação nas cidades reduzida, o consumo e descarte de materiais consequentemente caiu.

Perguntada sobre essas arrecadações, Julita falou que o projeto busca fazer com que “as pessoas pensem mais no coletivo, saiam de suas bolhas”, e que “muitas vezes esquecemos de olhar para fora da nossa zona de conforto”. Afirma ainda que o desejo de quebrar com o estigma que os catadores sentem se dará através da revista e de outras ações, não só esta.

Julita faz também um apelo para que esse grupo social não seja esquecido. “Quando fomos a campo visitar e ouvir essas pessoas, percebemos que eles não tinham assistência do poder público nem direitos trabalhistas, percebemos que podíamos ajudar dessa forma, através da visibilidade, das redes sociais”, conta.

Quem puder ajudar com qualquer quantia, deixo aqui novamente o link para doações. Na página da vaquinha há mais informações sobre a ação, que deve acontecer tão breve quanto as pessoas participarem e a meta for batida. Essa meta foi pensada para ajudar catadores de materiais recicláveis de Crato, Juazeiro e Barbalha e a distribuição das cestas básicas foi pensada através de uma espécie de “delivery” que fará as entregas logo após os participantes do projeto comprarem os alimentos e organizá-los nessas cestas. Para conhecer o Projeto Alheios, o perfil no Instagram é esse.

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Paulo Rossi
Carregar Mais Em Coluna do Paulo Rossi

Sobre Paulo Rossi

Graduando em Jornalismo pela Universidade Federal do Cariri - UFCA. Amante, principalmente da 'dúvida'. Existencialista. Sonhador. Louco.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!