Coluna do Alexandre Lucas Colunas

Não quero ser gente

É do senso comum e de âmbito familiar, em especial no seio das camadas populares expressões do tipo “Se não você não estudar não será gente”, “Estuda para ser gente”, “Quem não estuda não consegue ser gente”. No campo da pedagogia, essas expressões precisam ser apuradas na sua essência, pois estão diretamente ligadas as concepções pedagógicas de educação e ao processo de manutenção e transformação social.
7 minutos de leitura
Coluna do Alexandre Lucas Colunas

Costureira do escuro

A noite estava mais escura, as luzes dos postes e das casas deviam ter se cansado ou se reuniram para fazer greve. Quando as luzes se apagam, sem a nossa vontade, os que estão espalhados se juntam, parece até que o escuro é perverso ou que ele tira nossos olhos e nossa coragem.
2 minutos de leitura
Coluna do Alexandre Lucas Colunas

O duelo da práxis e da hipocrisia nos programas de governo

Os programas de governos nas disputas eleitorais são importantes instrumentos para definir o perfil das candidaturas e o caráter possível dos governos eleitos. Apesar dos programas de governos não serem o vetor que possibilita na maioria das vezes a vitória eleitoral, tendo em vista, que historicamente, as eleições são decididas pelo poderio econômico, basta ver o caráter de representação parlamentar nos três níveis federativos, a maioria dos eleitos entram pelo caminho do suporte financeiro de suas campanhas e não pelas suas proposições.
5 minutos de leitura
Coluna do Alexandre Lucas Colunas

As paredes que falam

Comecei escrevendo foi nas paredes: primeiro da casa, da casa que nunca tive, mas que chamava de minha, depois nas paredes da rua, da rua que também nunca foi minha. Quando escrevia nas paredes da casa, sem ainda conhecer o alfabeto e sem saber o que estava escrevendo; escrevia com mais vontade de dizer do que escrever, não sabia dizer e ninguém entendia o que escrevia, mas escrever nas paredes da casa é sempre perigoso: a gente ganha mais gritos e surras do que elogios, mas escreve.
2 minutos de leitura