Colunas Paulo Junior

Barroso, Dilma e o PT

Ministro do STF, Barroso disse que não havia crime para o impeachment de Dilma. Resta ver se o STF analisa seu papel no impedimento da mandatária, além de notar os rumos de Dilma no próprio PT, que já não é mais tão afeito a narrativa de golpe.
Colunas Paulo Junior

O que sobra em Sérgio Moro? talvez, covardia

Sérgio Moro fala somente em espaços controlados, não permite contestações mais profundas, não conta com um projeto de governo e existe apenas em torno de um superficial discurso de combate a corrupção. Excluída a superficialidade, sobra a rasidão de político que não conhece o Brasil e quer ser presidente.